Sexta, 07 de Agosto de 2020
63 9 8473 3732
Polícia Tráfico de drogas

Polícia Civil do Tocantins prende em flagrante dois homens por tráfico de drogas em Gurupi

A operação teve como foco traficantes responsáveis por homicídios (execuções de rivais), que vinham acontecendo no município.

29/07/2020 13h28 Atualizada há 1 semana
113
Por: Redacão Fonte: Cláudia Santos/Governo do Tocantins
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Na tarde desta terça-feira, 28, a Polícia Civil do Tocantins, por meio da 3ª Divisão Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP - Gurupi), prendeu em flagrante, no referido município, dois homens por tráfico de drogas, porte de arma de fogo e associação para o tráfico.

Conforme o delegado titular da DHPP – Gurupi, Hélio Domingos de Assis Alves, a operação teve como foco traficantes responsáveis por homicídios (execuções de rivais), que vinham acontecendo no município. Com isso, as prisões ocorreram durante a realização de diligências para elucidarem um homicídio ocorrido em 6 de julho deste ano, no centro de Gurupi.   

O delegado explicou que durante as investigações sobre o caso, os policiais civis monitoravam uma residência aparentemente desocupada, mas que era utilizada como base e ponto de venda de drogas por integrantes de uma facção criminosa com atuação nacional. Sendo que o local também servia para a realização de reuniões da facção para traçar ações, como as relacionadas a execuções de integrantes de facções rivais.

No momento da prisão, os dois homens estavam sentados próximos ao portão da casa e tentaram fugir quando perceberam a aproximação da viatura. Mas se depararam com outra equipe que atuava na contenção, momento em que foi realizada a abordagem e imobilização dos suspeitos. Um deles estaria portando uma arma de fogo.

Dentro do imóvel foram localizados 19 tabletes de substância semelhante à maconha; 39 pedras fracionadas de substância semelhante à crack e mais uma porção ainda não fracionada, também de crack ; além de um revólver calibre 32, municiado com 5 munições; uma motocicleta Honda Biz; um aparelho celular e  farto material utilizado para embalar drogas.

Os suspeitos foram encaminhados para a Casa de Prisão Provisória de Gurupi e estão à disposição da Justiça.

A DHPP – Gurupi é uma unidade vinculada à Diretoria de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (DRACCO).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.