Sexta, 17 de Setembro de 2021
63 9 8473 3732
Gurupi Agosto lilás

Agosto Lilás chama atenção para o combate à violência contra a mulher

A Lei Maria da Penha completa 15 anos neste mês e a campanha serve para sensibilizar as pessoas para o enfrentamento da violência contra mulher.

04/08/2021 12h49
451
Por: Redacão Fonte: Por Fernando Vieira – Secom Gurupi
Agosto Lilás chama atenção para o combate à violência contra a mulher

A Prefeitura de Gurupi aderiu à campanha ‘Agosto Lilás’, mês em que são intensificadas as ações de combate à violência contra a mulher. A Secretaria Municipal do Trabalho, Assistência Social e Proteção à Mulher (Semtas-PM) divulgou um vídeo com o objetivo de mobilizar a sociedade pelo fim da violência doméstica.

 

O objetivo da campanha é levar a toda sociedade informações necessárias para a formulação de denúncias de qualquer tipo de agressão contra mulheres. A Lei Maria da Penha completa 15 anos neste mês e a campanha serve para sensibilizar as pessoas para o enfrentamento da violência contra mulher.

 

A psicóloga de proteção à mulher da Semtas-PM, Karita Martins, explica que a Lei Maria da Penha trata de cinco tipos de violência: física, moral, patrimonial, sexual e psicológica, e que a campanha serve de alerta para a comunidade. “A campanha vem trabalhar a conscientização pelo fim da violência contra a mulher, ela serve como alerta e nos lembra de que podemos sim mudar nossa atitude e mudar o futuro”, disse.

 

Karita ressalta que as denúncias são fundamentais para fortalecer o combate à violência contra a mulher. “Mulheres que sofrem violência podem fazer a denúncia através do número 180, de forma anônima, se algum vizinho também desconfiar que sua vizinha sofre violência pode fazer a denúncia, que ela chegará até nós. A rede de proteção está para ajudar”, reforçou.

 

Rede de proteção à mulher

A Semtas-PM de Gurupi, por meio da Coordenação de Proteção à Mulher, dispõe de uma equipe com psicóloga e assistente social para acolher e orientar mulheres que sofrem qualquer tipo de violência. Além do acolhimento, a equipe de proteção à mulher também faz, se necessário, o acompanhamento e encaminhamento das vítimas de violência para a delegacia especializada.

 

A unidade de proteção à mulher fica localizada junto ao Centro de Referência Especializado em Assistência Social (CREAS), na Rua 19 entre as Avenidas Ceará e Pernambuco, no Centro. O horário de atendimento é de 07h às 12h nas segundas, quartas e sextas, e de 13h às 17h nas terças e quintas-feiras.

 

Gurupi também tem a Delegacia Especializada em Proteção a Mulher (DEAM) e o Serviço de Atenção Especializada às Pessoas em Situação de Violência Sexual (Savis) que fica localizado no Hospital Regional de Gurupi (HRG), com atendimento 24 horas.

 

Denúncias

As denúncias de violência contra a mulher podem ser feitas em delegacias e órgãos especializados. O Ligue 180, central de atendimento à mulher, funciona 24 horas por dia, é gratuito e confidencial.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sobre o município
Notícias de Gurupi - TO
-
Atualizado às 21h00 - Fonte: Climatempo
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade do ar
% (mm) Chance de chuva
Amanhã (18/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. ° Máx. °

Domingo (19/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. ° Máx. °

Anúncio
Anúncio