Terça, 30 de Novembro de 2021
°

-

Gurupi Revalida/UnirG

UnirG irá realizar processo de Revalidação de Diplomas Estrangeiros do curso de Medicina

Para ter validade no Brasil, o diploma de graduação deve ser revalidado por universidade brasileira pública, regularmente credenciada e mantida pelo Poder Público, que tenha curso reconhecido do mesmo nível e área ou equivalente.

23/10/2021 às 01h48
Por: Redacão Fonte: Por Meiry Bezerra
Compartilhe:
UnirG irá realizar processo de Revalidação de Diplomas Estrangeiros do curso de Medicina

A Universidade de Gurupi – UnirG deve publicar nas próximas semanas o edital de revalidação de diplomas de Medicina emitidos por Instituições de Ensino Superior Estrangeiras. O processo irá atender ao anseio de milhares de pessoas que cursaram a graduação em outros países, e que desejam obter a revalidação para o exercício da Medicina em território nacional.

“Estamos trabalhando arduamente para realizar esse processo, que irá atender a diversas solicitações de pessoas interessadas em pleitear a revalidação. É também um marco para a Instituição que avança rumo ao crescimento e expansão, sempre mantendo seu compromisso com a qualidade de ensino e com a comunidade de Gurupi”, afirma a Reitora da UnirG, Drª Sara Falcão.

Para ter validade no Brasil, o diploma de graduação deve ser revalidado por universidade brasileira pública, regularmente credenciada e mantida pelo Poder Público, que tenha curso reconhecido do mesmo nível e área ou equivalente. 

A presidente da Comissão Permanente de Revalidação de Diplomas, Drª Nádia Becman Lima, explica que a UnirG iniciou os trabalhos de preparação para esse processo ainda no mês de abril e, agora, deve tornar público o edital.

“Atendendo a Legislação vigente e, conforme orientações do Ministério da Educação, nós elaboramos o edital e estamos aguardando o processo de contratação da empresa que realizará as provas. A previsão é de que as inscrições sejam abertas em novembro e as provas sejam aplicadas em janeiro de 2022”, finaliza a presidente.

"A Fundação UnirG apoia o processo de revalidação por entender que é importante para Gurupi e para o desenvolvimento da Instituição ", finalizou o presidente da Fundação UnirG, Thiago Miranda.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.