Terça, 30 de Novembro de 2021
°

-

Geral 10 dias sem mortes

Tocantins registra mais de 10 dias sem óbitos de Covid-19

Última notificação de óbito da doença ocorreu no dia 26 de outubro de um residente de São Miguel do Tocantins, ocorrido em Imperatriz/MA

08/11/2021 às 15h18
Por: Redacão Fonte: Laiany Alves – Governo do Tocantins
Compartilhe:
Tocantins registra mais de 10 dias sem óbitos de Covid-19

O Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde do Tocantins (Cievs/TO), setor responsável da Secretaria de Estado da Saúde (SES/TO) pelo acompanhamento das notificações, confirmações e óbitos da Covid-19 no Estado, informa que há mais de 10 dias o Tocantins não registra óbitos pela doença.

Segundo a gerente do Cievs, Arlete Otoni, o último registro de óbito recebido nos sistemas oficiais do Governo Federal ocorreu no dia 24 de outubro. “O Tocantins registrou o último óbito, em seu território, no dia 24 de outubro no município Lagoa da Confusão e tivemos a informação de outra morte no dia 26 de outubro, na cidade de Imperatriz/MA, de um residente de São Miguel do Tocantins, mas todo esse espaço de tempo sem registro deve ser celebrado. São as ações de prevenção e vigilância surtindo efeitos aliado ao trabalho árduo dos municípios, surtindo resultados”, relata a gerente.

O secretário de Estado da Saúde, Afonso Piva, também celebra a marca, “são vidas que estão sendo salvas, isso é reflexo do nosso trabalho, em conjunto com os gestores dos 139 municípios, e todos os profissionais de saúde”. O Secretário complementa que “a ampliação da vacinação no Estado proporciona esta marca: quanto mais pessoas vacinadas menores serão os índices de casos graves e óbitos no Tocantins”, disse.

O Estado já registra a marca de 44,64% de sua população totalmente imunizada com as duas doses ou dose única dos imunizantes contra a Covid-19. Atualmente foram aplicadas 1.785.165 doses, sendo que 1.029.246 foram aplicadas com a primeira dose (D1) em 64,72% da população, outras 677.110 (42,58%) doses foram aplicadas com a D2. Além disso, 32.812 (2,06%) foram dose única e mais 45.997 com aplicação de doses de reforço (2,89%).

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.