Segunda, 24 de Janeiro de 2022
°

-

Estado Regularização

Governador Wanderlei Barbosa promove regularização fundiária com entrega de 900 títulos definitivos de imóveis para famílias palmenses

Famílias aguardavam por 30 anos a regularização dos imóveis; iniciativa faz parte do Programa de Regularização Fundiária do Governo do Tocantins

17/12/2021 às 13h57 Atualizada em 17/12/2021 às 13h59
Por: Redacão Fonte: Laiane Vilanova/ Governo do Tocantins
Compartilhe:
Governador Wanderlei Barbosa promove regularização fundiária com entrega de 900 títulos definitivos de imóveis para famílias palmenses

“Eu fico até emocionada, porque demorou 30 anos pra eu conseguir o documento do meu lote, mas graças a Deus eu consegui e meu sentimento é só de gratidão mesmo”, foi assim que a aposentada Maria Dalila Vitor, de 71 anos, definiu o sentimento de, agora, ter em mãos o título definitivo da casa onde mora na quadra 303 Norte, em Palmas. 

 

A aposentada chegou na Capital ainda em 1991 vinda do Piauí com o marido e cinco filhos. "Eu não era invasora, mas quando a gente chegou aqui tivemos que morar na invasão que chamava Golfo Pérsico. Aí quando foi em maio de 1992 eu ganhei esse lote, eu até tenho uma certidão, mas ela é provisória, e desde essa época eu tentava conseguir o documento, mas era muito caro”, frisa. 

 

Nos 50 dias de sua gestão, o governador em exercício do Estado do Tocantins, Wanderlei Barbosa, já realizou a entrega de cerca de 950 títulos definitivos, sendo 350 das famílias da região das arnos 31 (303 Norte), 32 (305 Norte), 33 (307 Norte), 41 (303 Norte), 43 (307 Norte), 44 (409 Norte), 61 (503 Norte), 71 (603 Norte), 72 (505 Norte) e 73 (507 Norte). Os outros 600 títulos foram entregues na região dos aurenys I, II, III e IV. 

 

A iniciativa faz parte do Programa de Regularização Fundiária do Governo do Tocantins, que tem o objetivo de garantir a documentação definitiva das propriedades à população mais carente. 

Além de Maria Dalila, outras 350 famílias da região norte de Palmas também sonhavam com o título de suas residências. Entretanto, o valor a ser pago pelo documento as impediam de realizar esse sonho. 

 

O governador Wanderlei Barbosa destaca a importância desse documento na vida das famílias e ressalta que até o fim do ano mais títulos definitivos devem ser entregues, totalizando cerca de 2 mil títulos. “O documento da nossa casa é como o registro de nascimento, é inaceitável que uma pessoa demore 30 anos para conseguir esse registro, por falta de vontade política dos governantes. No nosso mandato, faremos com que não somente os palmenses, mas todos os tocantinenses tenham garantido o direito às suas propriedades”, destaca. 

 

Regularização fundiária

Quem também ficou feliz com o título definitivo da sua casa foi a autônoma Zeneide Pereira Coelho, de 49 anos. Moradora da região norte há pelo menos 30 anos, Zeneide conta que o título trouxe mais segurança para ela e a filha. 

“Teve até uma promoção no cartório uma vez para poder registrar o título, mas quando a gente chegou aqui a gente não tinha condições, eu grávida, dormia nesse lote aqui não tinha nem teto só as paredes. E mesmo hoje eu não teria condições de registrar, porque continua sendo muito caro e eu divido hoje o lote com minha filha, que mora ali no fundo, então é uma segurança para mim e para ela. Eu só tenho que agradecer ao Governador, ao pessoal da secretaria e todo mundo que ajudou para eu que tivesse meu título!”, comemora Zeneide. 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.