Segunda, 24 de Janeiro de 2022
°

-

Estado Calamidade Pública

Estado de calamidade pública é prorrogado no Tocantins

A medida foi tomada após parecer técnico emitido pela Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil, vinculada ao Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins (CBMTO) e da Secretária de Estado da Saúde(SES).

27/12/2021 às 23h59 Atualizada em 28/12/2021 às 00h02
Por: Redacão Fonte: Redação
Compartilhe:
Estado de calamidade pública é prorrogado no Tocantins

O Governador do Estado do Tocantins em exercício, Wanderlei Barbosa, prorrogou até o dia 30 de junho de 2022 a declaração de Estado de Calamidade Pública em virtude da pandemia do novo Coronavirus. O Decreto nº 6.381 foi publicado no Diário Oficial desta segunda-feira, 27, e alterou o Decreto 6.072, de 21 de março de 2020.

A medida foi tomada após parecer técnico emitido pela Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil, vinculada ao Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins (CBMTO) e da Secretária de Estado da Saúde(SES). O Governo do Tocantins entende que o momento é de alerta diante da conformação de casos da nova variante no Brasil e no Tocantins, o que demostra que o cenário pandêmico não foi superado, o que faz necessário a prorrogação das medidas restritivas no Tocantins, a exemplo de outras unidades, como o Paraná e Paraíba. 

O governador Wanderlei Barbosa recomenda à população que siga os protocolos sanitários recomendados pela OMS e pelo Ministério da Saúde como forma de evitar o contágio e preservar a saúde da população. “O momento ainda requer cuidados por parte de todos. Vamos continuar fazendo a nossa parte com a oferta de assistência à saúde da população, mas o que queremos é que as pessoas mantenham os cuidados, usem máscaras, álcool gel e o distanciamento recomendado pelos organismos de saúde”, pontuou. 

O estado de calamidade pública no Tocantins foi declarado pelo Governo do Tocantins no dia 21 de março de 2020. Com o novo decreto, que começa a produzir efeitos a partir desta segunda-feira, 27 de dezembro de 2021, a decisão fica prorrogada por mais de 180 dias.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.