Segunda, 24 de Janeiro de 2022
°

-

Economia Pagamento

Governador Wanderlei Barbosa anuncia pagamento de R$ 100 milhões em direitos dos servidores da Educação para esta quarta-feira, 29

Pagamento é referente às progressões de 2015, 2016, 2017 e 2018

28/12/2021 às 11h15 Atualizada em 28/12/2021 às 11h24
Por: Redacão Fonte: Jarbas Coutinho/Governo do Tocantins
Compartilhe:
Governador Wanderlei Barbosa anuncia pagamento de R$ 100 milhões em direitos dos servidores da Educação para esta quarta-feira, 29

O Governador em exercício do Estado do Tocantins, Wanderlei Barbosa, anunciou nessa segunda-feira, 27, uma folha extra com o pagamento de todos os direitos adquiridos dos servidores da Educação para esta quarta-feira, 29. Ao todo serão disponibilizados na conta dos servidores da pasta R$ 100 milhões referentes às progressões de 2015, 2016, 2017 e 2018. Na oportunidade ele reafirmou que outros R$ 30 milhões serão disponibilizados para o pagamento de outras categorias.

Os recursos para o pagamento desses passivos são oriundos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) e foram autorizados pelo Tribunal de Contas do Estado do Tocantins (TCE). Com essa folha extra serão R$ 322,5 milhões injetados na economia do Estado pelo Governo do Tocantins neste mês de dezembro. No último dia 23, o Governo do Tocantins antecipou o pagamento do funcionalismo público, quando foram injetados na economia local R$ 222,5 milhões.

O governador Wanderlei Barbosa reiterou que a prioridade é pagar os direitos dos servidores públicos de uma forma geral. “Nós optamos em pagar os nossos servidores: o nosso professor, o nosso servidor da Segurança Pública, da Saúde e de outras pastas. Nós queremos que todos recebam os seus passivos a que têm direito, mas que há anos não estão sendo pagos”, frisou.

O titular da pasta da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), Fábio Vaz destacou que essa iniciativa é fruto de uma gestão comprometida com a valorização do servidor. “O governador Wanderlei Barbosa determinou esse pagamento, por entender que o servidor é prioridade em sua gestão”, pontuou.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.