Sexta, 29 de Maio de 2020
63 9 8473 3732
Saúde Orientação

"Dores podem estar associadas ao medo", diz fisioterapeuta ao orientar população durante pandemia

Ao portal "ToNoticia" nesta sexta-feira (03), a Fisioterapeuta, Mayara Sá, falou sobre as reações que nosso corpo pode ter nesse período de distanciamento social e a mudança repentina de rotina

03/04/2020 14h54 Atualizada há 2 meses
24.027
Por: Redacão Fonte: Por: Andryzia Quixabeira/Jornalista

Durante esses dias de reclusão social algumas situações provocam o surgimento de dores de cabeça, ombros, dor lombar ou até no pescoço. A  dúvida  são as causas dessas dores e em qual momento é necessário o uso de medicamento?

Ao portal "ToNoticia" nesta sexta-feira (03), a Fisioterapeuta,  Mayara Sá, falou sobre as reações que nosso corpo pode ter nesse período de distanciamento social e a mudança repentina de rotina. "  A maior parte das nossas dores musculares diárias podem estar associadas ao medo e a insegurança vivida nesses últimos dias.  Um exemplo disso,  pode ser a  dor de cabeça que reflete na altura das sobrancelhas e têmporas e tem relação com a musculatura do pescoço e ombros que nesse caso quase sempre estão tensionados", explicou.

A fisioterapeuta ressalta que  alongamentos aliados a  exercícios são uma boa opção para diminuir e prevenir episódios dolorosos mais intensos. " Alguns exercícios ajudam no relaxamento não só do corpo como também da mente para quem tem quadros de transtornos de ansiedade e depressão", ressaltou.

Uso de medicamentos

A automedicação com uso indiscriminado de analgésicos e anti-inflamatórios para o tratamento ou alívio dessas dores sem orientação de um profissional  podem prejudicar. Preocupada com isso,  Mayara ensina técnicas de respiração que podem aliviar a tensão e relaxar a musculatura, entre essas técnicas está a de  respiração diafragmática: "deitado com as mãos no abdômen, puxe o ar pelo nariz enchendo bem os pulmões  e com a mão perceba o abdômen subir, e solte o ar lentamente pela boca. Observe o abdômen murchando.

Outra orientação  e a  mobilidade escapular: "sentado em postura ereta, respire calmamente e leve os dois ombros para cima e para  frente,  como se estivesse girando para frente. Repetir cinco giros para frente  e cinco  para trás.”  Esses são exercícios simples que serão fundamentais nesse período.

Vários profissionais da saúde tem deixado suas redes sociais abertas para ajudar a população  por meio  de lives.  A Fisioterapeuta Mayara Sá,  tem acompanhado os pacientes dela   e segue dando orientações a eles e a quem acessa   o  perfil no instagram.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.